Império Serrano chegará de trem à Avenida

By at fevereiro 10, 2010 | 22:04 | Print

Compartilhe

“E um trem de luxo parte/ Para exaltar a sua arte/ Que encantou Madureira/ Mesmo com o palco apagado/ Apoteose é o infinito/ Continua uma estrela brilhando no céu…”. Assim cantava o saudoso Roberto Ribeiro – que foi intérprete do Império Serrano na década de 70 -, fazendo menção aos sambistas da escola que se deslocavam de trem para o desfile.

Anos depois, a história se repete, graças a um acordo entre a Verde-e-branca da Serrinha e a Supervia. Às 16h50 do Sábado de Carnaval, dia do desfile da agremiação pelo Grupo de Acesso, mil imperianos partirão da Estação Mercadão de Madureira, num trem com seis vagões, em direção à Central do Brasil, para dar início à concentração. As baianinhas (na foto), coordenadas por Bruno Teté, estarão entre os passageiros do trem de luxo verde-e-branco que,também estará representado na 5ª alegoria da escola, intitulada ‘Ruas do Rio’, uma espécie de mapa da cidade com seus principais pontos turísticos e, claro, a quadra do Império Serrano no lugar mais alto. Este carro alegórico, aliás, deverá emocionar muita gente em razão ainda das presenças de Seu Molequinho, único fundador vivo da agremiação, D. Olegária dos Santos, 1º destaque do Carnaval (uma das muitas inovações imperianas, em 1952), entre outros baluartes. E mais.

Coincidência ou não, a 1ª maquinista mulher do Rio também desfilará, mas na 4ª alegoria, chamada ‘Carnaval na Rua’. Valéria Cerqueira, 30 anos, faz parte da família imperiana desde criança, e sua mãe, inclusive, é presidente de ala.

Notícias

Related Posts

Poste seus comentários.