Porta-bandeira Verônica volta pra Grande Rio

By at março 4, 2012 | 20:52 | Print

Compartilhe


A direção e toda comunidade da Escola de Samba Acadêmicos do Grande Rio está radiante com o retorno da porta-bandeira Verônica Lima, depois de sete anos afastada da agremiação. Ela, que até a manhã do dia 2 de março, defendia o pavilhão da Escola de Samba União de Ilha do Governador, agora defenderá a Grande Rio. Verônica irá bailar com o mestre-sala Luiz Felipe, que há dois carnavais era parceiro de dança de Squel, porta-bandeira que por motivos pessoais despediu-se da agremiação de Caxias.

A volta de Verônica está sendo muito comemorado, pois a bandeira da escola continuará a ser defendida por uma pessoa conhecida por todos e prata da casa.

Ela é uma pessoa de hábitos simples e os principais motivos de orgulho é ser sambista e mãe das gêmeas Maria Eduarda e Maria Vitória. A porta-bandeira nasceu em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e estreou na Avenida aos nove anos, como destaque na frente da ala de seu pai na Escola de Caxias. Quando completou 10 anos desfilou como porta-bandeira, no quadro de porta-bandeira e mestre-sala mirim da Acadêmicos do Grande Rio. Aprendeu os primeiros passos da dança na quadra da tricolor e no Projeto de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte de Manoel Dionísio. Com apenas 15 anos, devido ao seu bailado gracioso, foi promovida a segunda porta-bandeira na Tricolor de Caxias. Três carnavais depois estreou como primeira. Passaram-se oito anos após ter atravessado a pista de desfiles pela primeira vez conduzindo um pavilhão, e a porta-bandeira resolveu priorizar alguns projetos particulares e entregou a bandeira com muito pesar a direção da escola.

Em 2006, voltou a desfilar no Sambódromo, defendendo o pavilhão da Imperatriz Leopoldinense, onde permaneceu até 2011.

No último carnaval, junto com o mestre-sala Ronaldinho desfilou pela União da Ilha do Governador.

– Tenho a partir de agora uma responsabilidade dupla que é substituir a Squel, que considero uma artista excelente e conduzir com perfeição o pavilhão tricolor. Mas estou muito feliz com minha volta à Grande Rio, onde comecei minha vida de sambista. Fiquei chateada com minha saída da Escola da Ilha, mas com fé em Deus e muita expectativa de que o Todo Poderoso estava reservando algo muito bom para mim no futuro. Só que tudo aconteceu tão rápido, quatro horas após ter deixado a Ilha, já era novamente a porta-bandeira da Acadêmicos do Grande Rio com muito orgulho no coração. Sou só felicidade. Agora só quero comemorar – declarou Verônica Lima, primeira porta-bandeira, da Grande Rio.

Carnaval 2012 Grupo Especial Notícias

Related Posts

Comments Closed

Comentários estão fechados